Ronei Ribeiro | visualizações: 450   

Prefeito recebe diretores de hospital mineiro em seu gabinete



O prefeito Alcides Bernal (PP) recebeu  em seu gabinete os diretores do Hospital Terezinha de Jesus, Ricardo Campello e Jorge Montesse. O hospital que fica na cidade de Juiz de Fora (MG) atua como hospital-escola e conta com as faculdades de Medicina, Fisioterapia, Odontologia e Enfermagem. Os diretores revelaram ao prefeito o modelo de atendimento do hospital que, segundo eles, é considerado referência por atender pelo SUS e apresentaram proposta de implantação de uma faculdade de Medicina em Campo Grande nos moldes da saúde da família.
 
Acompanhados do deputado estadual Lauro Davi (PSB), do presidente da Cassems, Ricardo Ayache e do ex-aluno da instituição, hoje médico, Ivan Morgan da Costa Júnior, os diretores do Hospital explicaram ao prefeito o interesse de estabelecer em Campo Grande uma faculdade de Medicina que trabalha de forma diferenciada e que atende pelo SUS com qualidade. Ricardo Campello e Jorge Montesse fizeram um convite ao prefeito para visitar a estrutura da Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora/ Suprema e do hospital mineiro para ver in loco o compromisso que os gestores e os profissionais têm de atender bem o paciente. “É o primeiro projeto mineiro que atende 100% pelo SUS”, disse Jorge Montesse. O hospital atende modelo semelhante a Organizações Sociais de Saúde (OSS) que adota parceria público-privada para a gestão de unidades de saúde. 
 
 
Ao longo do encontro, o prefeito Alcides Bernal explicou aos diretores acerca da estrutura da saúde de Campo Grande e mostrou a determinação de melhorar, cada vez mais, a qualidade no atendimento aos usuários da Rede de Saúde. “Temos a proposta de construir um Hospital Municipal, mas não podemos descartar bons projetos na área de saúde para Campo Grande. Precisamos de pessoas sérias e competentes na área de saúde que tenham boas propostas. Esse é um primeiro contato e podemos avançar em uma parceria e contribuir no que for possível”, destacou o prefeito.
 
 
O hospital juizdeforano Terezinha de Jesus com a Faculdade de Medicina, de acordo com os diretores, mantém um modelo de atendimento na medicina da saúde da família atendendo por meio de parcerias em cinco unidades de pronto atendimento (UPA) e oito unidades básicas de saúde (UBS). “Pelo nosso histórico, temos a expectativa de pleitear em Campo Grande a implantação da faculdade de Medicina e contribuir com a saúde da capital sul-mato-grossense”, disse Ricardo Campello. A estimativa é de serão necessários investimentos iniciais na ordem de R$ 6 milhões que poderão vir de várias fontes entre elas do Governo Federal.

DATA DA POSTAGEM 12/09/2013

Gostou! Compartilhe com os amigos.



Deixe seu comentário


 
 
 

 
 
         

 
procurar notícias

 
 
 
Todos os direitos reservados
redação 67 84569691
Acessos: 2675772